Barbaro: Mãe matou recém-nascido e cortou ao meio com faca de cozinha


A morte de um bebê recém-nascido chocou os moradores do município de Esperantina, localizado no norte do Piauí, na ultima sexta-feira (23). Uma jovem, de 18 anos, confessou ter matado o próprio filho. Em depoimento, Ana Paula Marques revelou, friamente, que teria cortado o bebê ao meio com uma faca de cozinha e arremessado o corpo pelo muro da própria residência. 

O corpo da criança foi localizado no bairro Morro da Onça, próximo da Capela de São Benedito. A polícia foi acionada após receber a denúncia de populares, que relataram a presença de muitos urubus na área. Em diligência, as equipes identificaram que se tratava de um recém-nascido e que parte dos seus membros já havia, supostamente, sido devorada pelos animais.

“Quando chegamos ao local nos deparamos com o corpo do bebê cortado, na altura da cintura. A cena era muito forte e tentamos afastar os populares que se aglomeravam na área. Os membros inferiores não conseguiram ser localizados” contou ao FolhaPE o delegado regional Lucas Craveiro.

Ainda de acordo com a polícia, a mãe alegou que cortou a criança após o parto porque não a queria, Movida por desespero, ela teria decidido se livrar do corpo. Em outra versão, a mulher se contradisse, declarando que a criança nasceu morta.

O caso ganhou grande repercussão e gerou revolta na população, que ameaçou invadir a casa e fazer o linchamento da suspeita. A mãe, que está presa no 13º Distrito Policial da cidade, deve ser transferida para Teresina para a realização de exames médicos.

Segundo o delegado, o trabalho de investigação aguardará a conclusão dos laudos. “Ela está sendo acompanhada por um psiquiatra. Vamos verificar a possibilidade de um quadro de depressão pós-parto, levando ao crime de infanticídio. Caso não seja confirmado, a acusada responderá efetivamente por homicídio”, concluiu Craveiro.

FONTE: FOLHA DE PERNAMBUCO
www.florisvaldo.com
←  Anterior Proxima  → Inicio

Seguidores

Total de visualizações