30 de novembro de 2012

Piso do salário mínimo em São Paulo será de R$ 755, afirma Alckmin


O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, anunciou, nesta sexta-feira (30), um aumento no piso do salário mínimo regional. De acordo com a proposta enviada em regime de urgência à Assembleia Legislativa, a primeira faixa salarial do salário mínimo, que compreende trabalhadores domésticos e motoboys, por exemplo, passará de R$ 690 para R$ 755. O novo valor passará a vigorar em 1º de fevereiro de 2013, segundo o Governo de São Paulo.
Ainda segundo o que anunciou Alckmin, haverá aumento também na segunda faixa salarial, que inclui cabeleireiros, manicures e vendedores, entre outros – de R$ 700 para R$ 765 – e na terceira, que corresponde aos trabalhadores de serviços de higiene e saúde e técnicos em eletrônica, entre outros – de R$ 710 para R$ 775. Os valores dos aumentos foram calculados com base na inflação e no crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de São Paulo.
O aumento no salário anunciado pelo Governo de São Paulo nesta sexta é maior do que a proposta de orçamento federal para 2013, entregue em agosto ao presidente do Senado, José Sarney. O documento previa que o salário mínimo fosse de R$ 670,95. O valor já era superior ao da Lei de Diretrizes Orçamentárias, que apontava um mínimo de R$ 667,75.
Fonte: G1 são paulo
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial