Tragédia no município de Machados. Confira

                  
Um homem de 28 anos foi preso, na manhã desta quarta-feira, por suspeita de assassinar a mãe, a esposa e o filho. O triplo homicídio aconteceu na casa da família, no Sítio Maravilha, zona rural do município de Machados, no Agreste de Pernambuco. Ainda não há informações sobre as identidades dos envolvidos.
Policiais militares chegaram ao local após serem acionados pelos vizinhos, que ouviram os gritos das vítimas. Eles disseram que o homem, que aparentava estar em surto, seria usuário de drogas. O suspeito não resistiu à prisão e foi encaminhado à delegacia de Limoeiro. 
De acordo com a polícia, as vítimas, de 49, 26 e sete anos de idade, teriam sido assassinadas por estrangulamento e pauladas.
Na quarta-feira da semana passada, outra tragédia familiar foi registrada no estado, desta vez em Carpina, zona da mata Norte. Um homem assassinou a sogra Carmelita Pereira Gomes da Silva, de 59 anos a tiros e baleou a a esposa, Valderlúcia Gomes da Silva, de 35 anos. Após os crimes, Sulivan Francisco da Silva, cometeu suicídio. De acordo com a polícia, o casal mantinha relacionamento há 15 anos, mas há dois meses eles teriam se separado e o homem não aceitava o fim da relação.
Crimes envolvendo violência doméstica não são novidade. Em fevereiro deste ano, a professora Sandra Lúcia Fernandes, 48 anos, foi morta a facadas pelo companheiro inconformado com o fim do relacionamento. O filho dela, Icauã Rodrigues, de 10 anos, também foi assassinado quando tentava defender a mãe. Segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS), quase metade das mulheres assassinadas em Pernambuco no ano passado foram vítima de crimes domésticos. Das 251 mortes, 108 casos (43%), tiveram como motivação os conflitos afetivos ou familiares.

Fonte: Diário de PE
←  Anterior Proxima  → Inicio

Seguidores

Total de visualizações