POLÍCIA CIVIL PRENDE 08 INTEGRANTES DO “BONDE DA RAPOSA” EM GARANHUNS


“Parada obrigatória” – Polícia Civil – Ministério Público e Poder Judiciário desarticulam “Bonde da Raposa”
Operaçao proxima estacaopresos integrantes do bonde da raposa-agresteviolentoA Polícia Civil realizou na manhã desta sexta-feira (05/2) em Garanhuns, a “Operação Próxima Estação” para prender integrantes de um grupo criminoso denominado “Bonde da Raposa” o qual agia em vários locais da cidade como também aterrorizava a população do bairro da Liberdade, com ameaças e assaltos. O nome da operação é referente “Bonde da Raposa” onde, quem embarcou nesse bonde teve que descer na “próxima estação”, a 135ª Circunscrição de Polícia Civil de Garanhuns.
PC-operaçao na Liberdade-agresteviolento.com.brA operação foi comandada pela delegada Maria das Graças, junto com policiais da 22ª DPH e 2ª Delegacia e foram cumpridos 04 Mandados de Busca e Apreensão de Menores e 04 Mandados de Prisão. Todos integrantes moradores do bairro da Liberdade, Comunidade conhecida como Raposa. De acordo com a Polícia Civil, foram presos e caminhados a Cadeia Pública de Saloá: José Fabrício da Silva Barbosa, 19 anos, José Alexsandro da Silva Barbosa, 25, Ericson Raul Pereira Gomes, 19, e Maxwel Rodrigues Fernandes da Silva. Eles foram autuados por Roubo e Associação para o crime, como também serão investigados por Furtos, Homicídios, Tráfico de Droga e Corrupção de Menores. Os 04 menores foram encaminhados a Funase.
apreensao 2ª DP - GaranhunsAinda de acordo com a delegada Maria das Graças, as prisões foram devido a ação rápida do Ministério Público e Poder Judiciário que expediram todos os Mandados em tempo recorde, sendo assim, foi dada uma resposta imediata para a sociedade garanhuense que vinha sofrendo ameaças do bando, que publicava suas ações em redes sociais, o qual, mencionava praticar assaltos com violência e aterrorizar as festividades carnavalescas, devido a aproximação do período festivo.
Ainda segundo a delegada, a participação da população através do telefone da delegacia, o (87) 3761-8457 foi de extrema importância, pois várias denúncias chegaram até a mesma, ajudando assim, obter várias provas contra os meliantes. As investigações continuam para identificar mais pessoas ligadas aos criminosos.
Fonte: Agreste Violento
←  Anterior Proxima  → Inicio

Seguidores

Total de visualizações