Papa Francisco quer ordenar homens casados para o sacerdote

                          
O novo destaque envolvendo o papa Francisco foram suas declarações em uma entrevista concedida ao jornal alemão Die Zeit, na última quinta feira (9). Para o pontífice argentino, que sofre críticas de segmentos da própria religião, a Igreja Católica deveria passar a considerar ordenar homens casados para o sacerdócio, mais especificamente, os “viri probati”.
A intenção, todavia, não seria extinguir por completo a tradição do celibato dos padres, mas considerar digno de exercer algumas funções vinculadas ao sacerdócio, homens considerados de “fé comprovada”, com capacidade para tal ofício, chamados “viri probati”.
A medida, segundo informações do Estadão, seria para suprir a falta de padres na Igreja Católica, especificamente em regiões distantes.
“Também devemos determinar quais seriam suas funções, por exemplo, em localidades remotas”, disse Francisco na entrevista, sugerindo que tal medida decorre de uma crise espiritual a Igreja Católica atravessa.
←  Anterior Proxima  → Inicio

Seguidores

Total de visualizações